Perdida é pouco

26 ago

Esta semana fui entregar as lembrancinhas de maternidade na maternidade Pro Matre – São Paulo. Quem mora em São Paulo, como eu, sabe que não tem erro. Pois não teve mesmo, eu cheguei lá numa boa e entrei no estacionamento. Seria jogo rápido. O pai desceria e pegaria a encomenda.

Mas não foi simples assim. Combinei com a mãe que entregaria os fudges no ‘estacionamento da rua de trás’. E a mãe me perguntou, ‘qual a a Joaquim Eugenio de Lima?’ Eu prontamente respondi que sim.

Fui até a Pro Matre e liguei quando estava chegando, o pai  me disse, ‘ok, estou descendo’. Bem, o que era para ser jogo rápido demorou mais de 30 min. Na verdade, eu estava na  São Carlos do Pinhal.  Depois de muito tempo, o pai percebeu o meu erro, porque eu não me toquei.

Leo, Ingrid e Rubens, perdoem a minha falta de orientação.

Bem-vind o Leo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: